Basta de ataque aos trabalhadores do sector aéreo

docsectoraereofinaljunhoEstá em distribuição no Aeroporto de Lisboa um comunicado do PCP a alertar para os problemas neste sector. O sector aéreo, num contexto de quebra de actividade, foi um dos mais afectados pela questão pandémica. O que se verificou, olhando para o geral das empresas relacionadas com o sector, é que foram sobretudo os trabalhadores a pagar a dita “crise”, com consequências brutais para as suas vidas! Numa situação que é claramente contextual, tendo em conta a raiz do problema, e quando já se vêm significativos sinais de retoma. A necessidade dos trabalhadores se unirem, organizarem e lutarem contra esta ofensiva é imperativa!

Ler aqui o comunicado.