Eleitos da CDU visitam Manique e registam reivindicações populares e preocupações com a segurança das crianças da Escola Básica

manique grupo 1No passado sábado, dia 20 de Março, uma delegação da CDU visitou Manique para ouvir os seus moradores e fazer um levantamento dos seus problemas e reivindicações. Entre os membros da delegação estiveram presentes o vereador do PCP na Câmara de Cascais, Clemente Alves, e a camarada Telma Santos, eleita na Assembleia de Freguesia de Alcabideche.

 

Uma das questões sentidas pelos residentes de Manique é a falta de uma caixa MB que deixou de existir desde o encerramento do último balcão bancário na localidade, obrigando os moradores a deslocarem-se a Alcoitão para conseguirem usufruir de uma caixa MB. Uma situação sentida em cada vez mais localidades do Concelho e que a Câmara pode, se quiser, facilmente arranjar uma solução.

 

A esta reivindicação junta-se a necessidade de encurtar a distância do balcão dos CTT, em Alcabideche. Desde que os CTT deixaram de ter o posto móvel que vinha 2 vezes por semana a Manique, os seus habitantes têm de se deslocar até ao centro de Alcabideche para poderem ter acesso a um posto dos correios. Mais uma situação que, cada vez mais, afecta os munícipes de Cascais, sem que a Câmara tome medidas para dar uma resposta a esta necessidade popular ou reivindique junto do estado central um serviço público postal de qualidade que sirva convenientemente a população do Concelho.

 

Por fim, uma preocupação dos pais das crianças que vão para a Escola Básica de Manique prende-se com a falta de segurança das estradas que ligam a escola à Mealha e ao Bairro dos Campos Velhos, de onde vêm muitos alunos. A falta de passeios e passadeiras, juntamente com o elevado movimento automóvel que percorre essas estradas, coloca em risco a segurança das crianças que fazem esse percurso diariamente de casa para a escola e da escola para casa. É urgente que se tomem medidas para garantir a segurança dessas crianças.

manique ribeira telma santinhomanique lojas fechadas