Marcha por Abril contra a exploração e o empobrecimento

Em Lisboa, no Porto e nas regiões autónomas, uma imensa corrente de protesto e de indignação encheu as ruas para afirmar a exigência da demissão do governo, da derrota do Pacto de Agressão e da política de direita da construção de uma política ao serviço dos trabalhadores, do povo e da pátria.