ANA e Portway tentam reduzir trabalhadores!

aeroporto-de-lisboa-820x430O PCP recentemente questionou o Governo sobre as empresas Portway e ANA terem solicitado a sua consideração de «empresa em reestruturação». Com isto, pretendem aproveitar a presente conjuntura para despedir umas centenas de trabalhadores (472), e contam atraí-los a uma «rescisão por mútuo acordo» através da ameaça que começa a ser recorrente de «ou aceitas a rescisão por mútuo acordo ou vais para o despedimento colectivo". Se conseguirem o peticionado ao Governo, será a Segurança Social (através de subsídios de desemprego) quem arcará com uma parte substancial das despesas em vez da multinacional Vinci. Estamos a falar de uma empresa que registou lucros superiores a mil milhões de euros nos últimos oito anos. Ler aqui a pergunta