Luta contra a privatização da TAP: PCP agenda para 19 de Outubro debate no Parlamento

mini-tap2012out16O Grupo Parlamentar do PCP agendou para dia 19 de Outubro a discussão da sua iniciativa legislativa que visa chumbar o decreto de privatização da TAP. Na Empresa, a Célula do PCP está a levar essa informação aos trabalhadores, com o apelo de que intensifiquem a luta contra esta criminosa medida.

Ler Comunicado em PDF

Marcha contra o Desemprego junta-se à luta contra a privatização da TAP e da ANA

mini-aeroporto marchadesA Marcha contra o desemprego prossegue a sua acção no distrito de lisboa. Esta tarde, um plenário de trabalhadores do Aeroporto de Lisboa aguardava a marcha, integrando a luta contra a privatização da TAP e da ANA nas preocupações centrais desta grande iniciativa da CGTP-IN. Como aí foi sublinhado, estas duas privatizações teriam, entre outras graves implicações, brutais consequências no plano do aumento do desemprego.

Intensificar a luta contra a privatização da TAP

mini-20120929tap anaNo quadro da luta contra a política de exploração e empobrecimento do país, ganha relevo a luta contra a privatização da TAP. O Grupo Parlamentar do PCP chamou à Apreciação Parlamentar o Decreto-Lei privatizador do Governo, com o objectivo de o fazer chumbar no Parlamento. E a Comissão de Trabalhadores da TAP lançou uma Manifesto Nacional «Contra a privatização da TAP e da ANA», a cuja subscrição na Internet o PCP apela.

Ler Comunicado do PCP em PDF

Subscrever Manifesto contra a Privatização

É necessário e possível impedir a privatização da TAP

tap2012agoA Célula do PCP na TAP, face à decisão hoje tomada no Conselho de Ministros, editou um comunicado aos trabalhadores da Empresa onde sublinha que hoje se inicia uma nova fase da luta contra a privatização da TAP, uma luta contra a destruição de uma empresa estratégica para Portugal. Um comunicado onde se apela ao reforço da luta, em defesa dos postos de trabalho, da soberania nacional e de economia nacional.

Ler Comunicado em PDF

PCP contra a escalada repressiva na Carris

O PCP denunciou na Assembleia da República a escalada repressiva na Carris. Agora a Empresa avança com um novo processo disciplinar forjado para tentar despedir um dirigente sindical, depois de ter ilegalmente despedido um membro da Comissão de Trabalhadores e um trabalhador por não poder usar gravata. Este aumento da repressão não está desligado dos planos de liquidação da empresa, pelo que o PCP tudo fará para contra esta política levantar as populações e os trabalhadores. No próximo dia 14 de Junho, a Tribuna Pública Contra a Repressão na Carris contará com a nossa activa solidariedade.

Ler Requerimento em PDF

Na TAP, continuar a luta contra o roubo nos salários, e em defesa da empresa, já no dia 22 de Março

tapgg2012A luta dos trabalhadores da TAP obrigou o Governo a diminuir o roubo em curso nos seus salários. A célula do PCP sublinha neste seu comunicado que esse recuo tem por objectivo criar as condições para continuar com o roubo dos subsídios de férias e de natal, poder implementar novos roubos com a aprovação do código de trabalho e neutralizar a resistência dos trabalhadores à destruição da empresa com o processo de privatização. O apelo do PCP é que a luta continue e se reforce, nomeadamente com uma forte adesão à greve geral de 22 de Março.

Comunicado em PDF

Mais de mil trabalhadores da TAP contra o roubo nos salários e o ataque à legislação laboral

tapplenMais de Mil trabalhadores da TAP, reunidos em plenário no dia 3 de Fevereiro, aprovaram a moção que aqui se transcreve, onde recusam o ataque aos salários e direitos dos trabalhadores portugueses, se afirmam conscientes da riqueza que diariamente criam para o país e afirmam a sua disponibilidade para reforçar a luta contra esta política, que está não só a prejudicar os trabalhadores da TAP mas igualmente a conduzir o país para uma profunda recessão económica com dramáticas consequências sociais.

Célula do PCP na TAP saúda luta dos trabalhadores contra o roubo nos salários

mini-tap20120127Os trabalhadores da TAP realizaram hoje uma importante jornada de luta contra o roubo dos seus salários, com a concentração que mobilizou cerca de mil trabalhadores esta tarde no Aeroporto de Lisboa. O PCP, solidário com a luta, apela à sua intensificação, destacando a importância de uma forte participação no plenário que a Comissão de Trabalhadores e os Sindicatos promovem no dia 3, e na Manifestação que a CGTP-IN promove no dia 11.    

Comissão de Trabalhadores da TAP denuncia perigos da privatização e apela à resistência

A Comissão de Trabalhadores da TAP divulgou um Comunicado onde denuncia os perigos para o país da privatização da TAP, sublinha os contributos da empresa para a economia nacional, e apela à resistência de toda a sociedade portuguesa a este crime contra o país!

 

Ler Comunicado em PDF

A luta e a CDU são a alternativa à privatização e destruição da TAP!

tap_cdu2011.jpg Perante o conluio da "troika" ocupante (FMI/UE) com a "troika" colaboracionista, e a inclusão da privatização (e consequente destruição) da TAP, a CDU reafirma que só resta um caminho: resistir a esta política! Essa resistência passa, desde já, pelo desenvolvimento da luta dos trabalhadores e do povo português. Mas passa igualmente pelas eleições de 5 de Junho - onde o voto deve ser uma arma para derrotar estas "troikas" e a política que se propõe prosseguir e intensificar.

Ler Comunicado em PDF