PCP confronta Governo com verdadeira postura irresponsável da Administração dos CTT

O Serviço Público Postal continuou a ser assegurado às populações graças ao heroísmo dos trabalhadores dos CTT, pois a sua administração não tomou as medidas necessárias para realizar a operação em segurança para trabalhadores e utentes, antes pelo contrário, despediu trabalhadores quando devia ter contratado, deu prioridade ao correio não prioritário, e permitiu o encerramento de lojas e estações, além de não ter tomada as medidas necessárias para corresponder à necessidade de entregar os vales postais em casa. Nesta crise, a Administração dos CTT colocou sempre os lucros à frente do serviço público e da segurança dos trabalhadores, como é normal numa gestão privada.