Sectores estratégicos, soberania nacional e mercado comum: um olhar desde o sector dos transportes

20151127 debate pcp gue sectores estrategicos transportes

Por iniciativa dos deputados do PCP no Parlamento Europeu, em coordenação com o Grupo Confederal da Esquerda Unitária Europeia / Esquerda Verde Nórdica (GUE/NGL), realizou-se no dia 27 de Novembro um debate sobre o tema «Sectores Estratégicos, Mercado Comum e Soberania Nacional - um olhar desde o Sector dos Transportes». O debate salientou a importância de inversão das políticas seguidas até ao momento e realçou a importância do desenvolvimento de políticas alternativas e de uma alternativa patriótica e de esquerda onde a necessidade da recuperação do controlo público dos sectores estratégicos na esfera pública se assuma como um imperativo nacional, recolocando-os ao serviço do povo e do País.

Ler Intervenções em PDF: Céu Único; Handling; Transporte Aéreo; Transporte Público; Ferroviários; Táxi; Portuários; Intervenção Final

A privatização do Metro e da Carris morreu! Viva a luta dos trabalhadores!

Dia 27 de Novembro fica marcado como o dia em que a privatização do Metro de Lisboa e da Carris foi politicamente anulada. De facto, no debate, agendados pelo PCP, das iniciativas parlamentares para anular a subconcessão dos transportes públicos de Lisboa e Porto, ficou clara o compromisso de PCP, PEV, BE e PS em anularem essas subconcessões, e aprovarem um texto conjunto na Assembleia da República. Cabe agora ao Governo concretizar esta anulação e paralelamente lançar um vasto conjunto de medidas para inverter o rumo de degradação dos transportes públicos nestas cidades. O PCP saúda a luta heróica destes trabalhadores, e apela a que reforcem a sua unidade e determinação.

27 Novembro - Assembleia da República discute e vota propostas do PCP para a Carris e para o Metro

pl metroAs Células do PCP na Carris e no Metropolitano de Lisboa estão a distribuir aos trabalhadores das duas empresas um comunicado do Sector dos Transportes alertando para o facto de o Projecto de Lei do PCP - que trava o processo de destruição e subconcessão - ir ser discutido e votado no Parlamento no dia 27 de Novembro. Além do conteúdo concreto desta iniciativa legislativa, o comunicado dá ainda conta de um conjunto de outras importantes reivindicações a que importa dar resposta, e com as quais o PCP se compremete mas apela à organização e luta dos trabalhadores e reformados como condição indispensável para as alcançar.

Ler Comunicado em PDF

Edgar Silva com trabalhadores do Metro e da Carris

edgarsilva metrocarrisO candidato à Presidência da República, Edgar Silva, realizou hoje um encontro com ORT's do Metropolitano e da Carris. Acompanhado destes trabalhadores, apanhou o Metro na Estação de Arroios (cujas obras de ampliação sofreram 4 anos de atraso às mãos do Governo PSD/CDS), percorreu a Linha Verde até aos Restauradores (linha com a circulação reduzida a 3 carruagens devido ao adiamento das obras), tendo depois apanhado o Elevador da Glória, que assinalou 130 anos  a 25 de Outubro e se encontra agora ameaçado de ser privatizado para utilização exclusiva do turismo (bem como os eléctricos, e os restantes elevadores e ascensores).

  Ler Declaração entregue à Comunicação Social

Travar a destruição da Carris e do Metro de Lisboa, defender o serviço público!

carrismetro plO PCP apresentou hoje uma iniciativa parlamentar na Assembleia da República que assume três objectivos fundamentais: travar a degradação da oferta de transportes públicos em LIsboa; travar a ilegal reestruturação em curso; anular a subconcesão do Metropolitano e dos autocarros da Carris à multinacional Avanza. Uma iniciativa que honra os compromissos assumidos pelo PCP e que representa a afirmação da possibilidade de uma maioria de deputados na Assembleia da República cumprir com os compromissos que assumiu perante o povo e o país.

Ler Projecto-Lei em PDF

É urgente travar as consequências do novo Regime Jurídico dos Transportes Públicos

260515 servEm comunicado conjunto, as Direcções Regionais de Lisboa e Setúbal do PCP alertam para as consequências da entrada em vigor do novo Regime Jurídico para os Transportes Públicos, imposto pelo Governo PSD/CDS, e que se traduzirá a curto prazo numa degradação acentuada da oferta na área metropolitana de Lisboa, num aumento dos custos para os utentes e para as autarquias e numa brutal degradação da segurança. O PCP alerta para a necessidade de alterar este Regime na Assembleia da República.

Ler Nota de Imprensa em PDF

Trabalhadores e Reformados da Carris e do Metro de Lisboa exigem: cumpram o que prometeram!

20151027metrocarrisOs trabalhadores e reformados do Metro de Lisboa e da Carris deslocaram-se hoje à Assembleia da República para entregar aos deputados uma «borracha», simbolizando a necessidade de apagar os contratos de concessão assinados com a multinacional Avanza bem como o roubo dos complementos de reforma. Na acção, que começou com uma marcha do Rato para São Bento, interveio Bruno Dias, deputado do PCP, que sublinhou o facto de existir hoje na Assembleia uma maioria de deputados que se comprometeu em travar a concessão e o roubo dos complementos, e que o PCP, como sempre, não faltará à palavra dada.

Só a luta imporá à maioria parlamentar que respeite os compromissos com os trabalhadores e reformados dos transportes

comunicado8outubroO Sector dos Transportes do PCP está a distribuir aos trabalhadores um comunicado sobre as consequências das eleições legislativas, e onde sublinha a perda da maioria absoluta do Governo PSD/CDS e as implicações dessa perda, ao mesmo tempo que sublinha que, apesar das manipulações, existe hoje uma maioria parlamentar que assumiu um conjunto de compromissos - desde o cancelamento das privatizações até ao fim do roubo dos complementos - que é preciso obrigar a serem respeitados.

Ler Comunicado em PDF

Está nas suas mãos travar a PPP da Carris e do Metro!

ppptargetaa4coresA CDU denunciou hoje, em comunicado, os verdadeiros contornos da PPP que o Governo tenta impor na Carris e no Metro. E para que não haja dúvidas, reproduz o Diário da República onde foram publicados, a 23 de Setembro, os valores da negociata para o Metro. No omunicado, a CDU sublinha a importância de dar força à CDU para travar esta PPP e inverter o rumo que PS/PSD/CDS têm imposto ao país!

Ler comunicado em PDF

 

A luta - e o voto - derrotarão a PPP no Metro e Carris

notadeimprensa230915carrismetroO PCP reagiu ontem, em Nota de Imprensa, à assinatura do contrato de subconcessão da Carris e do Metropolitano de Lisboa. O PCP revela a verdadeira dimensão da PPP em curso, que esbulharão o Estado e os Utentes, sublinha o caminho de degradação da oferta de transportes que o processo em curso já provocou e apela ao voto na CDU como a forma mais eficaz de anular esta PPP e acabar com os roubos que se abatem hoje sobre utentes, trabalhadores e reformados do Metro e da Carris.

Ler Nota em PDF