PCP aos trabalhadores das Comunicações

A Cordenadora Nacional para as Telecomunicações editou um comunicado aos trabalhadores do Sector onde sublinha que para responder à crise é preciso romper com as actuais políticas e não fazer-lhes uma operação de cosmética.
 

Trabalhadores dos CTT em greve marcham em Lisboa

Os trabalhadores em greve dos CTT realizaram hoje uma Marcha em Lisboa, na luta que travam em defesa do seu Acordo de Empresa e contra o Código do Trabalho. Uma acção integrada na Jornada Nacional de Luta da CGTP-IN que decorre a 1 de Outubro - e cuja reportagem do Distrito de Lisboa pode ir acompanhando aqui.

Ver fotogaleria desta Jonada de luta

Nacionalizações, liberalizações e privatizações. O que se ganhou o que se perdeu?

O Sector das Comunicações,  Águas e Energia do DORL do PCP realizou este debate integrado na preparação do Congresso do PCP, que contou com a presença de mais de 50 militantes. Um debate que apontou as terríveis consequências para o sector, para os trabalhadores do sector e para o país das políticas de direita implementadas pelos sucessivos governos contra-revolucionários, e a necessidade de dinamizar a luta para romper com as políticas neoliberais.

Comunicado do PCP aos trabalhadores da PT Contact

O sector das telecomunicações é dos que mais lucro gera no nosso pais (8,4 mil milhões de euros em 2007) e um dos maiores em número de postos de trabalho permanentes. Logo deveria ser um sector com trabalhadores efectivos e bem remunerados. Mas a realidade é bem diferente, a começar pela empresa incumbente a PT, cuja política nos últimos anos tem sido mandar para casa trabalhadores efectivos, substituindo-os por trabalhadores de empresas de aluguer de mão-de-obra com vinculo precário a estas, com salários baixos e sem direitos.

Ler Comunicado da Célula em PDF 

Na PT, são milhares de milhões para os accionistas e 1,5% de "aumento" para os trabalhadores!

Na PT, são distribuídos milhares de milhões aos acionistas, milhões aos administradores, e aos trabalhadores querem impôr um "aumento" de 1,5%, ou seja, uma redução do poder de compra. A Célula do PCP na Empresa apela à unidade e luta, única forma de derrotar os exploradores! E apela à participação na Manifestação de 5 de Junho.

Continuar...

Boletim Célula da PT sobre a situação na Empresa


A Administração da PT desde que assumiu compromissos asfixiantes de remuneração accionista até 2009, garantiu o seu futuro em termos financeiros mas está na iminência de causar danos irreparáveis ao Grupo PT se rapidamente não houver um plano de investimento no negócio e não for introduzida uma nova estratégia para o futuro.

Ler Boletim Célula da PT em PDF 

 

Célula do PCP nos CTT realiza Assembleia de Organização

Realizou-se este sábado a Assembleia de Organização da Célula dos CTT da DORL do PCP, onde se elegeu o novo Secretariado da Célula e se discutiu a ofensiva do Governo contra a empresa e contra o Acordo de Empresa.

A política do Roubo na PT!

Em tempos idos, à intimação “a bolsa ou a vida!”, entregava-se a bolsa mas a vida, ainda que difícil (sempre difícil...), lá continuava. Entretanto o mundo mudou, tudo evoluiu, estamos na era da globalização, etc e tal... e agora já não se ficam pela bolsa: sugam-nos a vida, tentam destruir-nos os sonhos e roubar-nos a esperança! Mas a verdade é esta: nunca entregaremos o “ouro aos bandidos”! A actual situação no Grupo PT é um exemplo vivo da política do roubo.

Continuar...

Na PT, um novo ano, mas uma velha política!

Iniciamos o novo ano com a ressonância das declarações de Henrique Granadeiro, Presidente da PT, que afirmou que se fosse necessário faria um despedimento colectivo em 2008 de mais de 700 trabalhadores, atribuindo, desde já, as culpas à ANACOM tentando esconder as erradas políticas de gestão da Administração. Ao falar em despedimento colectivo – o que só por si já é muito grave - como forma inovadora de continuar a reduzir trabalhadores na PT – são já mais de 15.000 desde o início da privatização – o Presidente da PT sabe bem que não pode ir por esse caminho. A Célula do PCP na PT reafirma que só com a mobilização e a luta, os trabalhadores conseguem barrar o caminho aos ataques que se avizinham para 2008!

Continuar...

Sector da Energia apela à luta para 18

O Sector de Energia do PCP apela a todos os trabalhadores para participarem na grande jornada de luta da CGTP-IN marcada para 18 de Outubro. Destacando as formas concretas como o Governo anda a tramar os trabalhadores no sector e em geral, sublinha que esta política não é inocente: serve os interesses dos grandes grupos e famílias, cuja fortuna e poder não pára de aumentar.

Continuar...