Sector Águas, Energias e Comunicações: Venderam os anéis, agora querem vender os dedos!

scae2010abril.jpgO Sector de Águas, Energias e Comunicações da DORL do PCP está a distribuir aos trabalhadores um comunicado de apelo à luta contra o PEC, onde se pode ler: "Só nos últimos 5 anos, as principais empresas deste Sector (caso, por exemplo, da Telecom, da EDP/REN, da Galp Energia) tiveram lucros superiores a 12.000 milhões de euros (12.000.000.000 de euros). Para o que não serviria para Portugal e para os portugueses todo este lucro das empresas, já não falando no que respeita ao seu elevado valor estratégico e, de outras como é o caso da EPAL ou dos Correios, também igualmente lucrativas, em termos da economia do País e do seu desenvolvimento."
 

PT: Os Lucros da Crise!

ptcapa.jpgNeste Comunicado da Célula do PCP na PT denuncia-se os "lucros da crise", no caso da PT, os 684 milhões de euros de lucros em 2009, quando para os trabalhadores do grupo se reduziram os rendimentos reais e se insiste nas teses da necessidade de perda de direitos. O facto de 65% destes lucros serem "exportados" é denunciado pela Célula, e apontado como uma das consequência da privatização que mais prejuízos traz ao país. Os 13 milhões de os administradores repartiram entre si, um excelente exemplo de que a contenção salarial só se aplica a quem trabalha!

Ler Comunicado em PDF

EPAL: Lucros de Milhões, para salários nem tostões

mini-epal_capa.jpgRealizou-se hoje uma concentração de activistas sindicais da EPAL frente à Sede da Empresa na Avenida da Liberdade, denunciando à população da cidade a política de uma empresa que gerou 26 milhões de euros de lucros, aumentou a factura de água para 2010 em 1,77% e recusa quais aumentos salariais aos trabalhadores da Empresa. Uma política que só poderá ter como resposta a luta dos trabalhadores, uma luta que conta com a activa solidariedade do PCP, como deixou bem expresso na iniciativa o deputado Francisco Lopes.

Privatização da EDP: célula do PCP demonstra impactos negativos da privatização!

edpcapa.jpgA Célula do PCP na EDP editou este seu Boletim de Fevereiro de 2010 onde aborda de forma muito detalhada as consequências para o país e para os trabalhadores da empresa da privatização da EDP, processo cuja reversão o PCP considera essencial para a ruptura com a política de direita que está a afundar o país.

Ler Boletim em PDF

V Assembleia da Organização da Célula da Epal

adsc00265.jpgRealizou-se no passado dia 6 de Fevereiro a V Assembleia da Organização da Célula da Epal. Participaram na Assembleia 15 camaradas, entre convidados e participantes.
A célula tem vindo, desde a última Assembleia, realizada em 2008 a desenvolver trabalho no sentido do reforço orgânico, tendo recrutado neste período 8 novos camaradas.   
Foram discutidos os problemas e reivindicações dos trabalhadores da Epal, que exigem o aumento salarial de 40€, proposta da CGTP.
Foi eleito o Secretariado da célula composto por 6 camaradas. Destes, 3 camaradas integram pela primeira vez o Secretariado.

PCP aos trabalhadores da Vodafone: Crescem os lucros, mas não os salários!

vodafone.jpgNeste comunicado do PCP, lembra-se que estando "a crise" a ser usada para despedimentos e reduções salariais, a realidade da crise para os grandes grupos é a dos lucros, e até a do crescimento dos lucros. No caso do grupo Vodafone, a realidade é que existiu um aumento de lucros de 9,3% no segundo trimestre de 2009, para a astronómica quantida de 12 mil e 500 Milhões de euros. Contudo, no que é que esse aumento se traduziu para os trabalhadores da Vodafone?

Ler Comunicado em PDF

Trabalhadores dos CTT (Lisboa) apelam ao voto na CDU

cttcdu.png Num Comunicado onde se sublinha que "Na defesa do Seriço Público de Correios de qualidade e dos direitos dos trabalhadores dos CTT e do Sector, mais do que as palavras ou promessas valem as acções e a CDU teve-as", um vasto conjunto de trabalhadores dos CTT de Lisboa apelam ao Voto na CDU.

Ler Comunicado em PDF

Na EPAL, trabalhadores apelam ao Voto na CDU

epal.jpgNum Apelo aos Trabalhadores da EPAL, a Comissão de Apoio à CDU na Empresa apela ao voto, apontando duas razões de peso: a luta contra os processos de liberalização e privatização do Sector, processos que prejudicam o país, as populações e os trabalhadores da Empresa, beneficiando apenas uns poucos de grupos económicos, e onde só a CDU tem assumido uma posição consequente de denúncia e oposição; as políticas anti-laborais decidas e executadas (tanto cá como na Europa) por PS, PSD e CDS, e a que só o voto na CDU dá força à necessária alternativa.

Continuar...

Comunicado aos Trabalhadores de Call Center

callcenters.jpg

Neste comunicado são apresentadas razões, para que, também os trabalhadores de Call Center, se juntem à luta pelos seus direitos e por melhores condições de trabalho. Para que deixem de, receber baixos salários, tenham contratos precários muitas vezes de 15 dias, para que os intervalos de hora a hora sejam respeitados, etc. E como lutar também é votar, que a justa luta destes trabalhadores, por uma vida melhor, seja levada até ao voto, e que com o voto na CDU vejam defendidos os seus direitos no Parlamento Europeu.

Ler Comunicado em PDF 

Apelo da CDU ao trabalhadores das Telecomunicações

teleccdu.jpgSubscrito por diversos membros das ORT's do sector das Telecomunicações, este apelo ao voto na CDU no próximo dia 7 destaca as consequências para o sector e para os trabalhadores das políticas de direita seguidas pelo Governo, que se traduzem na crescente privatização do sector com prejuízos para a economia nacional, e se reflectiu nos trabalhadores com o crescimento da insegurança, o congelamento salarial e a precariedade.

Ver Comunicado em PDF