Santa Maria Maior

Avançar é mesmo Preciso!

alfama20190919Não é necessária qualquer campanha eleitoral para a CDU estar perto dos moradores e trabalhadores nos seus bairros, empresas ou locais de trabalho. A CDU conhece os seus problemas e sobre eles intervém fazendo o que está ao seu alcance para os resolver.

Quando ainda faltam duas semanas para o dia 6 de Outubro, candidatos e activistas da CDU na freguesia de Santa Maria Maior já percorreram becos, escadinhas, ruas e travessas em contacto com moradores e comerciantes. Todos fazem falta para reforçar a CDU.

Os problemas relacionados com a habitação dominam as conversas. Queremos um País a avançar na efectivação do direito à habitação. Queremos no imediato a eliminação do «balcão dos despejos» e a garantia do arrendamento com a fixação de um período mínimo de 10 anos para novos contratos, e avançar com mais apoios substanciais ao arrendamento jovem. Há uma resposta pública que tem que ser dada, dinamizando a construção de habitação pelo Estado e a reabilitação urbana. Mas queremos também o aumento geral dos salários, desde logo do Salário Mínimo Nacional, e das reformas e pensões.

Assembleia de Freguesia de Santa Maria Maior: Moção sobre o ambiente

mocaoambiente20190911Moção da CDU "Preservar o ambiente e a natureza, prevenir   alterações climáticas" foi aprovada por maioria na Assembleia de Freguesia de Santa Maria Maior com a abstenção do PSD.


Leitura do documento na íntegra: http://bit.ly/2mgkp93

Assembleia de Freguesia de Santa Maria Maior: Devolver a Praça do Martim Moniz

mocao CDU MMoniz20190911Assembleia de Freguesia de Santa Maria Maior aprova por unanimidade Moção da CDU que exige o Martim Moniz com acesso público.


Leitura do documento na íntegra: http://bit.ly/2kJrDSr

Regulamento para a regulação e fiscalização do estacionamento de bicicletas, trotinetas e segway

CDU Santa Maria MaiorA Junta de Freguesia de Santa Maria Maior apresentou na Assembleia Freguesia uma proposta de “Regulamento  para a regulação e fiscalização do estacionamento de bicicletas, trotinetas e segway, na freguesia “e aplicação das respectivas coimas.

A proposta foi aprovada com os votos dos eleitos do PS, a abstenção do BE e do Presidente da Assembleia de freguesia (PS) e os votos contra do PSD, CDS e CDU.

A CDU, embora defenda a necessidade de regular estas actividades, não concordou com a proposta apresentada por razões que se prendem com o cumprimento da legalidade. Assim, consideramos que:

1 – Tratando-se de um Regulamento com eficácia externa, o mesmo carece de um período de consulta pública, a qual não aconteceu.

2 – Consideramos que este regulamento não se enquadra na competência da Junta de Freguesia de “Manter e conservar pavimentos pedonais”, justificação de suporte apresentada pela Junta.

Neste quadro, a CDU votou contra e propôs que o processo seja reiniciado verificando e dando cumprimento aos mecanismos legais, sob pena de aquilo que agora foi aprovado seja passível de impugnação.