PCP exige na Assembleia da República o pagamento de salários na TNC

Enquanto os trabalhadores da TNC continuam a sua luta para salvar a empresa, e exigem a marcação de uma nova Assembleia de Credores para aprovar um plano de viabilização, o Admnistrador da Insolvência, perante a passividade do Tribunal, recusou-se a pagar os salários, num acto ilegal e sem qualquer justificação financeira pois existe dinheiro em caixa para o fazer. A própria Autoridade para as Condições do Trabalho já reconheceu a razão aos trabalhadores, mas nada se fez para de facto pagar os salários.O PCP, na Assembleia da República, exigiu do Governo uma actitude mais firme na defesa da lei e dos direitos dos trabalhadores.

Ler Requerimento em PDF