Pela revogação do Regime jurídico da actividade de transporte individual e remunerado de passageiros em veículos descaracterizados a partir de plataforma electrónica

20180928 mocao cdu sector taxi(CDU- favor, BE-favor. PS-abstenção, PSD- abstenção, CDS-contra)

Nos últimos quatro anos, temos assistido à tentativa por parte de um conjunto de multinacionais de se apropriarem da actividade de transporte individual remunerado de passageiros, com a destruição do sector a quem essa função está atribuída, o táxi.

Essas multinacionais têm actuado à margem da lei, com uma impunidade quase absoluta, enquanto no poder político os seus aliados tentavam criar as condições para as legalizar. Uns e outros tentaram apoiar as suas ambições numa pretensa modernidade, assente na utilização de novas tecnologias por parte das plataformas angariadoras de clientes.

Ver documento em PDF

Por uma política de promoção da mobilidade e do uso dos Transportes Públicos no concelho de Odivelas

2017.12.22  paod mocao transportesA degradação sistemática dos transportes públicos tem sido uma constante nos últimos 8 anos.

E todos sabemos quais são as suas causas: restrições absurdas impostas às empresas públicas, proibindo-as de contratar os trabalhadores em falta, de manter um correcto provimento de peças sobressalentes, de cumprir os planos de manutenção e de investir atempadamente na modernização das frotas e das infraestruturas.

Entre 2010 e 2015, os governos desinvestiram nas empresas públicas, ao mesmo tempo que fnanciavam, com milhares de milhões, a banca e as grandes empresas privadas.

Ver documento em PDF

Moção rejeitada, com os votos contra do PS, PSD e CDS

Condenação do reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel pelos EUA

2017.12.22 paod mocao palestinaNo passado dia 6 de Dezembro, o mundo foi surpreendido com o anúncio realizado pelo Donald Trump, presidente dos Estados Unidos da América, da mudança da embaixada deste país, de Telavive para Jerusalém, reconhecendo esta cidade como capital de Israel.

Tal anúncio e decisão contraria todas as resoluções das Nações Unidas e levou a que no Conselho de Segurança da ONU a esmagadora maioria dos países se pronunciasse contra a decisão unilateral dos EUA e fzesse um forte alerta para as nefastas consequências, nomeadamente para a resolução pacífca do connito israel-árabe.

Ver documento em PDF

Moção aprovada por maioria com os votos a favor da CDU e do BE; a abstenção de 6 do PS e o voto contra de 1 do PS, do PSD e do CDS