PCP em defesa do Serviço Nacional de Saúde

20140609 centro saude alvercaA Comissão de Freguesia de Alverca do Ribatejo do PCP editou um boletim sobre o funcionamento do Centro de Saúde e  distribuiu-o à população.

Consequência dos cortes orçamentais e do desinvestimento financeiro nas funções sociais do Estado, “Saúde, Ensino, Justiça, Segurança Social e outros” que os sucessivos governos com particular realce para o atual de maioria PSD-CDS/PP têm promovido e concretizado, o Centro de Saúde de Alverca do Ribatejo está um caos quer na área do atendimento, quer na prestação dos cuidados de Saúde a que os seus utentes têm direito. Devido à falta de médicos de família, recentemente mais alguns deixaram de prestar serviço no mesmo, há utentes que vão para a porta do Centro de Saúde às 5h00/6h00 da manhã para tentarem sem qualquer garantia marcar uma consulta.


Também os próprios serviços de Atendimento funcionam com grandes carências, situação que prejudica e causa incómodos aos respetivos utentes. Estas, a par de outras situações, como a de haver milhares de pessoas sem médico de família, enquadram-se na política de direita que este governo pratica, beneficiando claramente os grandes interesses económicos em prejuízo da maioria dos portugueses e respetivas famílias. O que o governo PSD-CDS/PP tem como objetivo é concretizar a destruição dos serviços públicos para posteriormente os entregar aos grupos económicos privados para que estes façam dos serviços um negócio com consequências gravíssimas para as populações e seus trabalhadores. 

 

Comprometido com os direitos dos cidadãos e preocupado com a sua não garantia por parte deste governo, a Comissão da Freguesia de Alverca do Ribatejo do Partido Comunista Português manifesta-se disponível para por si só ou em conjunto com a população promover e realizar as Ações/Iniciativas que considere como as necessárias e mais adequadas para acabar com as situações descritas.


“Com o PCP continuar Abril”