Carvoeira em defesa do Poder Local Democrático

 

carvoeiraA população da freguesia da Carvoeira, em Torres Vedras, aderiu de forma significativa à tribuna pública organizada com o objectivo de repudiar e combater a reorganização administrativa com que o Governo pretende liquidar o poder local democrático. Na acção, foi reiterado por todos a necessidade e a disponibilidade para o combate à extinção desta e das outras freguesias, ao despedimento dos trabalhadores das autarquias e à destruição dos serviços públicos.

Trabalhadores da Fundição Dois Portos lutam contra salários em atraso

dosportosOs trabalhadores da Fundição Dois Portos, em Torres Vedras, concentraram-se hoje à porta da empresa, expressando o seu protesto e a exigência do pagamento da metade do subsídio de férias que ainda não receberam e que lhes é devido desde Julho. A administração da empresa pagou apenas metade do valor devido em Outubro, continuando o restante em falta aos trabalhadores. Acresce e agrava esta situação o não pagamento do subsídio de Natal a 30 de Novembro, como era devido, não tendo havido qualquer justificação nem informação da empresa quanto a esse facto. Num tempo em que o Governo de PSD e CDS rouba subsídios de férias e de Natal aos trabalhadores já a Fundição Dois Portos é utilizadora, impunemente, desta prática. Também o subsídio de Natal de 2010 foi pago muito depois do exigível.Os trabalhadores voltarão à luta e ao protesto se esta situação não se desbloquear rapidamente e contam com o apoio e a solidariedade do PCP, que esteve hoje representado na concentração realizada.

PCP de Torres Vedras apela à organização e luta dos trabalhadores da Fundição Dois Portos

doisportos.jpg A situação que vivem os trabalhadores da Fundição Dois Portos é inadmissível. Atraso nos pagamentos aos trabalhadores; congelamento salarial há já cinco anos; péssimas codições de higiene e segurança; uma actuação patronal que recorre à tentativa de chantagem e intimidação dos trabalhadores. É face a este quadro concreto, e à ofensiva geral contra os trabalhadores portugueses que o Governo está a levar a cabo, que o PCP apela à organização e luta dos trabalhadores da Empresa, bem como à sua forte adesão à greve geral de 24 de Novembro.

Ler Comunicado em PDF