"A Voz de Paço de Arcos" dedica a sua edição de Outubro a um Homem de cultura e de Partido

Do número de Outubro do jornal, fundado em 1979, transcrevemos o seu editorial, assinado por José Lança-Coelho:

"Este nosso número de «A Voz de Paço de Arcos» é dedicado a Armando Caldas, um grande homem de teatro, actor e encenador.
Fundador do «1º Acto», em Algés, ainda antes da Revolução de 25 de Abril de 1974, querestituiu a Liberdade e a Democracia ao país, tendo tido graves problemas com a famigerada PIDE de má memória, que lhe vigiava os espectáculos, procurando obter informações acerca da identidade dos frequentadores do pequeno teatro de bolso, e com a Censura dos coronéis do lápis azul, que lhe cortava
partes significativas dos textos a representar; Armando Caldas, veio depois da noite redentora, a constituir nova companhia com o nome de «Intervalo», que actua no Teatro Lourdes Norberto, em Linda-a-Velha, palco por onde têm passado peças dos grandes nomes da dramaturgia nacional e internacional.

Continuar...

Oeiras prossegue preparação do XX Congresso do PCP

Decorreu no passado dia 12 de novembro, no Centro de Trabalho de Carnaxide do PCP, mais uma assembleia para discussão das teses e eleição dos delegados ao XX Congresso do Partido. A introduzir o debate, o camarada Nuno Boavida, da DORL apresentou os tópicos das Teses, complementando a leitura que já foi feita pelos militantes.

Longe de serem um objeto estático, as Teses são resultado da reflexão e discussão em todas as organizações, e estão sempre abertas a melhorias até ao momento da sua votação no Congresso.

Continuar...

PCP e os Verdes solidários com a luta dos trabalhadores da EMEF

Em plenários realizados esta semana, os trabalhadores da EMEF decidiram realizar ontem, dia 27 de Outubro, um dia de luta, com plenários e greves, ao mesmo tempo que se realizam as vigílias em frente ao Ministério do Planeamento e Infraestruturas.

Nas oficinas em Oeiras (onde decorria um Plenário) cerca das 14,30h, delegados sindicais da empresa receberam delegações dos eleitos do PCP dos concelhos de Cascais e de Oeiras e uma representação d´Os Verdes que vieram manifestar a sua solidariedade à justa luta dos trabalhadores em defesa do emprego e contra a precariedade.

Na oportunidade os eleitos na Assembleia Municipal de Oeiras fizeram entrega da Moção que aquele órgão aprovou por unanimidade no passado dia 24, e a que já fizemos referência nesta página

Continuar...

Oeiras solidariza-se com luta dos trabalhadores da EMEF

Na passada segunda-feira os eleitos da CDU na Assembleia Municipal de Oeiras fizeram aprovar, por unanimidade, uma Moção sobre
OS DESPEDIMENTOS NAS OFICINAS DA EMEF EM OEIRAS, E A DEGRADAÇÃO DA FIABILIDADE DA CIRCULAÇÃO FERROVIÁRIA NA LINHA DE CASCAIS DA CP

Ler abaixo o texto da Moção aprovada por todas as forças politicas representadas na Assembleia Municipal:

Continuar...