Santa Iria de Azóia: Sessão Pública Com Edgar Silva

7 nov sta iriaSessão Pública com Edgar Silva no próximo sábado, dia 7 de Novembro às 15h00, no Atlético de Via Rara

Sacavém e Prior Velho: Informação CDU

Mercearia Santana reabre portas à comunidade
A Câmara Municipal de Loures assinou, a 23 de Outubro, um acordo de colaboração com o proprietário da antiga Mercearia Santana. Esta Decisão enquadra-se no esforço de salvaguarda da memória colectiva da cidade e de dinamização da zona antiga, mediante a criação de mais um ponto de atração.

 

Ler documento em PDF

Carta aberta à população do concelho de Loures

carta-aberta-populacao-loures-set2015-netCarta aberta à população de concelho de Loures, subscrita pelos candidatos a deputados propostos pelo concelho de Loures: e pelos eleitos autárquicos no concelho de Loures.

 

Ver mais

Em Moscavide, o povo saiu à rua para dar força à CDU

Na manhã de hoje, a Avenida de Moscavide ficou pequena para tantos homens e mulheres, jovens e menos jovens, que saíram à rua par dar força à CDU. Num concelho onde a obra da CDU vê-se de dia para dia, foram muitos aqueles disseram presente à luta por uma política alternativa patriótica e de esquerda. Foram muitos aqueles que se dirigiram a Jerónimo de Sousa trazendo palavras de incentivo com a certeza de que todos os votos na CDU são úteis para derrotar a política de direita.

 

Ler Aqui

Sacavém: dar mais força à CDU

sacavmEm Sacavém, contactos com a população com a participação da Deputada e Candidata , Rita Rato e das candidatas, Beatriz Goulart, Rute Pinheiro e Cristina Torres.

Continuar...

Dia após dia, a CDU pelas ruas do concelho de Loures

Por todas as freguesias do concelho de Loures, dia após dia, candidatos e activistas da CDU percorrem empresas e locais de trabalho, ruas, praças e mercados. Este sábado, a CDU contactou com a população do Freixial e da Chamboeira, freguesia de Bucelas. No domingo o contacto foi com a população do centro da vila e no bairro da Solcasa. Participaram nesta ação candidatos à Assembleia da República, Ermita Castro, Beatriz Pinheiro e Fernando Correia, assim como vários eleitos locais e ativistas da CDU.

CDU contacta comerciantes e população de Sta. Iria de Azóia

11995479 1187151774634837 1978659564 nNo passado sábado dia 13 a CDU esteve no mercado em Santa Iria de Azóia contactando com vendedores e população. A esta visita seguiu-se uma arruada. Participaram os candidatos Jorge Pisco, Cristina Torres e Armindo Miranda e os vereadores da Câmara Municipal de Loures - António Pombinho e Maria Eugénia e o Vice-Presidente Paulo Piteira e ainda os eleitos da CDU na Assembleia de Freguesia da União de Freguesias de Santa Iria de Azóia, São João da Talha e Bobadela.

 

 

 

 

 

 

Continuar...

Comício da CDU em Loures destaca validade das propostas: O país tem uma alternativa

Este domingo, no Pavilhão Paz e Amizade, perante um milhar de pessoas, Jerónimo de Sousa salientou que PSD/CDS e PS têm, no essencial, a mesma matriz, e que o voto na coligação PCP-PEV abrirá a passagem para um caminho novo, apoiando soluções que são possíveis e são viáveis. A festa da CDU abriu com a actuação da Ronda dos Quatro Caminhos. O calor e a animação no interior do grande pavilhão faziam esquecer que muitos tinham ali chegado sob a chuva miudinha que caía desde o início da tarde. A chegada do Secretário-Geral do PCP foi marcada com aplausos e gritos ritmados «CDU!». Ler aqui

Deslocalização da Triumph International coloca em causa 570 postos de trabalho

O Grupo Parlamentar do PCP na Assembleia da República exige respostas do Governo relativamente ao anúncio de deslocalização da Triumph International (localizada em Sacavém, concelho de Loures), que labora no nosso país há mais de 50 anos. A subsidiária nacional obteve um volume de negócios de 21.407.328€ em 2013, sendo que no ano de 2014 contava com 570 trabalhadores ao seu serviço e um Valor Acrescentado Bruto de 12.804.384€. Segundo a informação obtida junto dos representantes dos trabalhadores, Triunfo Internacional verá a sua produção deslocalizada para o Chile, Vietname e India, sendo a deslocalização motivada pelo desejo de baixar os custos de produção, designadamente no que toca à despesa com salários e proteção social. 

 

Ler Pergunta ao Governo em PDF

 

Ler Pergunta no Parlamento Europeu em PDF