“Mais Organização e Intervenção, um PCP mais Forte!”

14 assembleia organizacao concelhia 2018PCP REALIZOU A SUA XIV ASSEMBLEIA DA ORGANIZAÇÃO CONCELHIA
 
Este Sábado, dia 24 de Março, realizou-se no Espaço Multiusos “A Fábrica”, em Camarate, a XIV Assembleia da Organização do Concelho de Loures, sob o lema “Mais Organização e Intervenção, um PCP mais Forte!”.
 
A Assembleia da Organização Concelhia culminou um processo de preparação e discussão que através da realização de mais de duas dezenas de Assembleias electivas e sessões que contaram com a participação de mais de três centenas de militantes, elegeu os delegados de cada organização e discutiu a proposta de Resolução Política. 
 
A Assembleia contou com a participação de 150 delegados e dezenas de convidados, entre militantes do PCP, activistas da CDU e membros de associações, colectividades e outras organizações do Concelho de Loures.
 
Durante a Assembleia foram feitas 35 intervenções, versando diferentes matérias desde a prestação de contas das diversas organizações, Educação, Movimento Associativo, passando pela luta das ex trabalhadoras da Triumph e de outras empresas do Concelho.
 
Os participantes discutiram a aprovaram a Resolução Política “Mais organização e intervenção, um PCP mais forte!” que assume como principais direções e objetivos de trabalho: 
 
 
•Concretizar até final do 1º semestre a entrega do novo cartão do Partido, assegurando actualização de valor e recuperação de quotização e que um maior número de camaradas assumam uma tarefa política regular;
•Aumentar a capacidade de direcção das organizações, rejuvenescer organismos, elevar a militância, alargar a responsabilização de quadros;
•Alargar e aumentar o recrutamento para o Partido, em particular, a partir da acção de contactos, em curso, com os trabalhadores do concelho;
•Reforçar a organização e intervenção do Partido junto da classe operária e dos trabalhadores, nas empresas e locais de trabalho;
•Dinamizar a intervenção própria das organizações locais;
•Reforçar a organização dos militantes reformados e pensionistas;
•Alargar o trabalho unitário e acção dos comunistas no movimento associativo popular;
•Aprofundar o trabalho junto da juventude e o reforço da JCP.
•Desenvolver o trabalho junto dos micro, pequenos e médios empresários (MPMEs).
•Reforçar e consolidar em Loures, a intervenção e projecto autárquico do PCP/CDU.
•Prosseguir a luta pela gestão pública do Hospital Beatriz Ângelo e pela exigência de construção de novos Centros de Saúde e melhoria das condições de acesso aos cuidados de saúde dos actuais;
•Desenvolver, em particular durante o ano de 2018, um largo conjunto de acções e lutas, incluindo no plano institucional, por mais acessíveis e melhores transportes públicos;
•Dar continuidade às acções em curso em defesa do serviço postal público e contra a sua destruição e o encerramento da Estação dos CTT de Camarate.
 
Foi também eleita, por unanimidade, a nova Comissão Concelhia, composta por 63 elementos, a quem caberá colocar em prática as decisões e orientações aprovadas. 
 
A XIV Assembleia da Organização Concelhia aprovou ainda e por unanimidade uma moção em Defesa dos Serviços Públicos e outra Pela Valorização do Trabalho e dos Trabalhadores.
 
Na sessão de encerramento interveio João Frazão, membro da Comissão Política do Comité Central do PCP que salientou a importância do reforço 
da organização do PCP, o fortalecimento dos seus organismos de direcção e o reforço da militância. João Frazão apelou ainda aos militantes e activistas do PCP e da CDU para continuarem o trabalho de ligação aos trabalhadores e ao povo e de intensificação da luta de massas como forma de romper com a política de direita e construir uma alternativa politica patriótica e de esquerda.