Sobre as decisões do Governo relativas ao investimento na Sinalização e Compra de 7 Comboios para o Metro

ni metro investO Sector dos Transportes tornou público uma Nota de Imprensa sobre os investimentos anunciados pelo Governo para o Metropolitano. Uma nota onde se valoriza o investimento, e se critica a forma como esses investimentos estão planeados. Uma nota que ainda destaca o conjunto de medidas urgentes que não estão a ser tomadas e continuam a ser adiadas, nomeadamente no que respeita à contratação de trabalhadores.

Ler o Comunicado em PDF

Metro a Loures: Possível, Necessário, Prioritário!

folheto 20180227 Loures-METROO alargamento da rede de metropolitano a Loures é uma justa reivindicação da população de Loures que o PCP sempre defendeu. No quadro da campanha distrital por «Mais e Melhores Transportes Públicos!», o PCP está a distribuir um folheto exactamente intitulado «Metro a Loures: Possível, Necessário, Prioritáro!», onde defende esse ponto de vista e denuncia a hipocrisia daqueles - nomeadamente o PS - em Loures são a favor do Metro, mas onde o podem concretizar, no Governo e na AML são contra.

Ler Comunicado em PDF

A linha Circular de Metropolitano é uma MÁ ideia!

metro linhacircularNo quadro da campanha distrital por «Mais e Melhores Transportes Públicos!» o PCP está hoje a distribuir um comunicado sobreo projecto do Governo/CMLisboa de canalizar os investimentos no Metropolitano para a transformação da Linha Verde e Amarela numa linha circular entre Campo Grande e Cais Sodré. Uma péssima ideia pelas mais variadas razões que o PCP denuncia publicamente, fazendo o apelo à mobilização para travar que essa opção acabe por ser imposta.

Ler Comunicado em PDF 

Governo proibe contratações mas permite falsas prestadoras de serviços no Metro! Basta!

Os contratos de prestação de serviços assinados pelo Metropolitano de Lisboa espelham a completa ilegalidade da operação, como denuncia o PCP. É que se trata de contratos de aluguer de trabalhadores temporários, disfarçados de falsa prestação de serviços. É um escândalo que isto aconteça quando o Governo continua a proibir a contratação dos trabalhadores necessários à empresa. Ao mesmo tempo que exige explicações na Assembleia da República, o PCP, através da sua célula, apela ao desenvolvimento da luta contra este tipo de medidas promotoras da exploração e da precariedade.

Ler Requerimento em PDF

Não tomam as medidas para o Metro funcionar regularmente, mas continuam a prometer coisas extraordinárias!

req metro anonovoO Governo continua a proibir a Administração do Metropolitano de contratar os trabalhadores em falta: faltam maquinistas para repor a oferta; faltam operários para dar resposta à manutenção de equipamento e infraestrutura; faltam trabalhadores para as estações. E o Metro continua sem dar resposta ao seu serviço regular porque faltam trabalhadores. Ora se o Metro não tem trabalhadores para a sua operação regular, muito menos os tem para operações extraordinárias, mesmo que organizadas às três pancadas, sem respeitar os utentes e tentando intimidar os trabalhadores. O PCP volta a questionar o Governo exigindo a entrada dos trabalhadores em falta.

Ler Requerimento em PDF

Os trabalhadores do Metro e o Orçamento de Estado para 2018

capametro17dezEm comunicado aos trabalhadores a Célula do PCP no Metropolitano de Lisboa dá conta da sua avaliação do Orçamento de Estado para 2018, apontando as suas insuficiências, os avanços que materializa e as oportunidades que abre para a conquista de importantes reivindicações dos trabalhadores como seja a valorização salarial e a contratação dos trabalhadores em falta.

Ler Comunicado em PDF

Metro: Comboios parados, Utentes prejudicados, Trabalhadores por contratar

req manmetrodezO PCP questionou o Governo sobre o que está a acontecer à Manutenção do Metro, onde o Governo continua a não autorizar a contratação dos trabalhadores em falta, querendo agora subcontratar precários para onde se recusa a autorizar a entrada dos trabalhadores que fazem falta. Quando já são mais de 30 os comboios parados, esta atiitude do Governo está a prejudicar os utentes e a empresa.

Ler Requerimento em PDF

PCP confronta Governo com falta de resposta aos problemas da Manutenção do ML

metroreqmanutContinuam 21 comosições paradas (quase um quarto da frota!) por falta de manutenção. Dezenas de portas de embarque estão avariadas. A própria Administração já reconheceu a necessidade urgente de contratar os trabalhadores em falta. Mas o Governo recusa essas contratações, impondo soluções mais caras e que não acautelam o futuro.

Ler Requerimento em PDF

OE 2018: É preciso acabar com o congelamento salarial e com a proibição de contratar os trabalhadores necessários!

20171017 metro oe2018A Célula do PCP no Metropolitano está a distribuir aos trabalhadores um comunicado sobre a proposta de Orçamento de Estado para 2018 apresentada pelo Governo. Onde se valoriza alguns avanços, mas se sublinha a gravidade do Orçamento manter a imposição do congelamento salarial e a proibição de contratação de trabalhadores no SEE, alémde um conjunto de outros aspectos negativos que reflectem os compromissos de sempre do PS como grande capital.

Ler Comunicado em PDF

João Ferreira com as ORT do Metropolitano: Compromisso com os trabalhadores e com o transporte público!

21765132 1659352380781453 7783896728717590328 nA CDU, incluindo o seu candidato a Presidente da CM Lisboa, João Ferreira, esteve hoje reunida com as Organizações Representativas dos Trabalhadores do Metropolitano, numa reunião que serviu essencialmente para reafirmar a importância estratégica que a CDU atribui aos transportes públicos da Cidade e da Área Metropolitana, e o seu compromisso de sempre com os direitos dos trabalhadores. Ocasião ainda para a CDU criticar a falta de soluções para os problemas do Metropolitano (nomeadamente para a não contratação dos trabalhadores operacionais em falta) e para criticar a aposta do actual Governo em investir numa Linha circular em vez de levar o Metropolitano à zona Ocidental da Cidade e a Loures como defende a CDU.