Contra a precariedade e a exploração nos Portos, a luta continua!

mini-portuarios29n2012Enquanto nas ruas os trabalhadores portuários realizavam uma extraordinária manifestação, na Assembleia da República o PCP desmascarava os propósitos do Governo com as alterações à lei do trabalho portuário. Na Manifestação, além dos dos sindicatos da Frente Sindical Marítimo-Portuária, estiveram presentes uma delegação da FECTRANS/CGTP-IN e sindicatos dos Estivadores de Espanha, Filândia, França, Suécia, Dinamarca, Chipre, Grécia e Noruega.

Ler a Intervenção de Bruno Dias em PDF