PCP realiza acções nas estações do Metro - Isto não pode continuar!

pcp metronov2017Na segunda-feira, estivemos na estação do Metro do Cais Sodré, terça-feira na estação de Sete Rios e quarta-feira na estação do Campo Grande, afirmando junto dos utentes, que "Não Dá Para Esperar Mais" e que "Isto não pode Continuar" - basta de avisos de "perturbações na Linha", basta de diminuição de carruagens, é urgente rever os preços dos bilhetes e a implementação do passe intermodal.

Defendemos para o Metro: A reposição dos descontos para todos os utentes, reformados e estudantes; Nos passes intermodais devem ver revertidos os aumentos de mais de 30% que tiveram em 5 anos e devem ser alargados a toda a região metropolitana, a todas os operadores e carreiras; O alargamento da rede do metro, da Linha Vermelha a Alcântara; o Alargamento à Zona Norte e a Loures; A contratação de 30 novos maquinistas; O Reforço de trabalhadores para garantir a manutenção e reparação da infra-estrutura e dos comboios e o guarnecimento das estações.

Os Vereadores da Câmara Municipal de Lisboa, João Ferreira e Carlos Moura, eleitos na Assembleia Municipal e Assembleias de Freguesia, têm estado durante esta semana em contacto com os utentes do Metro, realizaram visitas aos estabelecimentos de ensino, contactaram com associações de moradores,estiveram com trabalhadores da CML e em centros de saúde.

Com esta iniciativa, pretende-se reafirmar a defesa pelo direito à cidade, junto das populações, apresentando propostas e soluções que combatam a degradação dos transportes públicos, que valorizem a Escola Pública, que defendam o reforço dos meios nos Centros de Saúde, pelo direito à Habitação e na defesa dos trabalhadores e da qualidade dos serviços municipais.