Futuro incerto para os Moradores da Rua dos Lagares 25-27, Travessa dos Lagares 2-6 e Travessa do Terreirinho 1-5 - PCP ao lado dos moradores

pcp rualagares joaoferreiraOs moradores da Rua dos Lagares 25-27, Travessa dos Lagares 2-6, Travessa do Terreirinho 1-5, receberam, em meados de Agosto, cartas registadas, onde lhes foi comunicado, pelo senhorio, a suspensão dos despejos por um período de 30 dias, por estarem a decorrer conversações com a CML. Foi anunciado no passado dia 8 de Agosto, o acordo entre a Câmara Municipal de Lisboa e a IberAquisições, S.A. no qual a Câmara garantia a permanência, dos moradores nas referidas habitações. 

Existindo este acordo, não se compreende a razão, da suspensão por apenas 30 dias, dos processos de despejos, pois não salvaguarda o direito dos moradores a permanecerem nas casas onde sempre moraram e contraria a informação avançada pela CML.
O PCP vai continuar a bater-se contra a expulsão dos moradores, manifesta solidariedade com a luta destes e de muitas outras pessoas que estão a viver pesadelos semelhantes e já exigiu esclarecimentos sobre este assunto, tendo solicitado o acesso imediato ao conteúdo integral do acordo anunciado pela CML (que, até à data, não é do conhecimento dos vereadores). Consideramos essencial, uma nova política de licenciamento urbanístico, para a cidade de Lisboa e continuaremos a defender a revogação, na assembleia da República, da Lei das Rendas.