​Apoios de emergência ao Movimento Associativo Popular avançam por proposta do PCP

 
Imagem de LisboaPor proposta dos vereadores do PCP, a Câmara Municipal de Lisboa aprovou hoje, por unanimidade, um instrumento que possibilita o apoio financeiro suplementar e excecional ao Movimento Associativo Popular.
 
O Movimento Associativo Popular em Lisboa desenvolve um papel importante na dinamização de atividades desportivas, culturais e de recreio.
Decorrente do surto epidémico de COVID-19 muitas associações viram a sua atividade

Continuar...

Vereadores do PCP exigem ao Governo a adoção de medidas de apoio às Micro, Pequenas e Médias Empresas

 
lisboa2Por proposta dos vereadores do PCP, a Câmara Municipal de Lisboa aprovou hoje (apenas com o voto contra do PS), uma moção a exigir ao Governo um conjunto de MEDIDAS URGENTES DE APOIO ÀS MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS (MPME).
 
Esta deliberação é tanto mais importante quanto ocorre num momento em que a pandemia da Covid 19 trouxe dificuldades acrescidas aos micro, pequenos e médios empresários. As medidas adotadas pelo Governo, conhecidas até

Continuar...

Alargar o apoio do Fundo de Emergência Social ao Movimento Associativo Popular

Edificio CMLO surto epidémico de COVID-19 exigiu e exige do país medidas excecionais. Hoje existem novos problemas para todos os sectores da sociedade e o Movimento Associativo Popular não foi exceção, vendo a sua atividade suspensa e encerrada. No entanto, as despesas correntes mantêm-se, desde rendas, água, luz, gás, seguros obrigatórios a salários de trabalhadores. Importa garantir que este importante sector da economia social e pilar da nossa Democracia, possa retomar a sua

Continuar...

Encerramento das instalações do Jardim de Infância n.º 1 de Benfica

 
JI 101Os vereadores do PCP tiveram conhecimento que serão encerradas as instalações do Jardim de Infância n.º 1 de Benfica, com o intuito de transformar aquele equipamento num centro de rastreio para a COVID-19.
 
Não são conhecidas as razões da opção pela abertura deste centro de rastreio, e consequentemente encerramento do JI nº 1 de Benfica, nem tão pouco se estão garantidas as condições de acolhimento destas crianças nas instalações para onde serão encaminhadas.

Continuar...