Contra os despedimentos na Carristur!

O PCP denuncia mais uma vez os despedimentos, por via da não renovação de contratos , de dezenas de trabalhadores da Carristur (motoristas e promotores de vendas), de empresas de trabalho temporário subcontratadas, vários deles há anos a laborar nesta empresa. A precariedade é inadmissível, tal como o pretexto da pandemia para despedir trabalhadores. O PCP interveio na Câmara Municipal de Lisboa e na Assembleia da República a repudiar esta situação e a exigir medidas.