PS Alfornelos - Ilegalidades para calar o protesto das populações

A Assembleia de Freguesia de Alfornelos, na Amadora, convocada para que os eleitos locais e a população pudessem discutir o projecto de CRIL que o Governo e a Câmara querem impôr, transformou-se num rol de ilegalidades, tudo para que população e eleitos não pudessem, democraticamente, discutir um projecto que ameaça destruir qualquer qualidade de vida na freguesia.

O PS tentou transformar a reunião numa sessão de esclarecimento, e assumindo a incapacidade dos seus eleitos locais em defender tão lesivo projecto, importaram os oradores, um da Câmara e outro do IEP. Do regimento só se preocuparam com um ponto, que deixaram bem sublinhado: a população só podia intervir nos 60 minutos que o regimento prevê.

(Ler comunicado da CC Amadora)