Marcha por Abril contra a exploração e o empobrecimento

Em Lisboa, no Porto e nas regiões autónomas, uma imensa corrente de protesto e de indignação encheu as ruas para afirmar a exigência da demissão do governo, da derrota do Pacto de Agressão e da política de direita da construção de uma política ao serviço dos trabalhadores, do povo e da pátria.

CGTP-IN reafirma Marcha por Abril, contra a exploração e o empobrecimento

meia--ponte mantemA apresentação do Orçamento do Estado, que aprofunda drasticamente o ataque aos trabalhadores e ao povo e intensifica a política de direita dos partidos que assinaram o pacto de agressão com a troika, reforça as razões e a necessidade da concretização de uma enorme Marcha por Abril contra a exploração e o empobrecimento.

Entretanto, o Governo, receoso da força e impacto desta acção de luta, desencadeou um processo ilegítimo, ilegal e anti-democrático visando impedir a realização da iniciativa. Um processo apoiado na mentira e na provocação.

A CGTP-IN reafirmou a sua resistência a tais processos, ao mesmo tempo que não dá espaço à sua concretização. Impedida de passar a pé, a manifestação mantém-se na ponte 25 de Abril com o passar das viaturas num vigoroso e vibrante protesto na direcção de Alcântara, onde se realizará a concentração final, tal como estava inicialmente previsto.

Ao sentir a necessidade de procurar condicionar a acção da CGTP-IN, o Governo reconhece o seu isolamento e fragilidade. A dimensão, força e impacto da marcha, no próximo Sábado, constituirá mais um fundo abalo na política de direita.

Os comunistas estarão, uma vez mais, na linha da frente.

Todos à Ponte, todos a Alcântara!

Fotobiografia de Álvaro Cunhal

fotobioÉ apresentada hoje, às 18 horas, na Escola Secundária Camões, em Lisboa, a Fotobiografia de Álvaro Cunhal, contribuição preciosa para o conhecimento da sua vida, pensamento e luta e do projecto e ideal por que lutou toda a sua vida. A sessão de lançamento conta com a participação de Jerónimo de Sousa.

19 de Outubro - Marcha por Abril

dorl Marcha bigAutocarros - Horários e Percursos
Primeira informação - actualizada a 10/10/2013

Ver partidas do Distrito de Lisboa

Ver partidas do Distrito de Setúbal

Festa do Avante: já compraste a tua EP?

mini EPA Entrada Permanente (EP) para os três dias, é um título de solidariedade fundamental para o êxito da Festa do Avante! A sua aquisição antecipada é uma expressão concreta de solidariedade com a preparação e construção da Festa. As crianças até aos 14 anos, inclusive, não pagam EP desde que acompanhadas por um adulto portador de EP. Até 5 de Setembro é possível poupar 11€ e adquirir a EP por 21€ nos Centros de Trabalho do PCP.